Banco de talentos: como construir um de sucesso?

20 de junho de 2018
Kenoby

Criado para auxiliar as empresas tanto na contratação quanto na retenção de pessoas, o banco de talentos é, hoje, uma das principais estratégias de RH para a gestão das áreas. Isso por conta de sua principal atribuição: com ele, a empresa consegue saber diversas informações, como formação e experiências, tanto de seus colaboradores quanto de candidatos.

Uma das prioridades do RH das empresas é fazer seleções e recrutamento de talentos apurados, que tenham grandes chances de acerto e aumentem a probabilidades de contratar os profissionais ideais para preencher as vagas. O desenvolvimento de um banco de talentos é uma das estratégias usadas para encurtar essa tarefa.

Mas quais são os benefícios reais que essa prática pode oferecer à empresa e como montar um banco de talentos funcional e que traga resultados? Responderemos a essas perguntas neste post. Acompanhe!

Por que adotar um banco de talentos?

O banco de talentos reúne dados de pessoas que já se candidataram para fazer parte do quadro de funcionários da empresa, com informações sobre experiência, habilidades, formação acadêmica, entre outras.

Apesar de parecer trabalhoso à primeira vista, essa ferramenta vai ajudar a ganhar tempo durante o recrutamento de profissionais. Com essa prática, é possível aproveitar processos seletivos anteriores e dispensar uma nova atração de talentos. O RH pode filtrar pelas competências e encontrar o candidato ideal dentro dos currículos armazenados.

As empresas podem guardar os currículos e contatos de profissionais que já tentaram entrar na organização anteriormente. Os mais indicados são os que passaram por várias etapas do processo seletivo, mas que não foram contratados.

Essas pessoas têm grandes chances de atenderem às exigências da corporação. Muitas vezes, elas foram dispensadas simplesmente porque o outro candidato tinha alguma competência a mais, o que não significa que também não poderiam realizar o trabalho com excelência.

Além disso, a empresa pode deixar um campo em aberto para que os interessados em fazer parte do quadro de funcionários enviem seus currículos, mesmo sem nenhuma vaga em vista.A partir dessas informações, o departamento de RH já vai contar com uma boa bagagem de contatos para começar a fazer a triagem.

Feita essa seleção, o profissional de R&S precisa começar a se preparar para os testes e entrevistas. Pensando nisso, elaboramos um Kit de Entrevista de Candidatos que pode te ajudar nesse passo. Faça o download gratuito!

 

Que benefícios um banco de talentos pode trazer?

A iniciativa de armazenar currículos de candidatos pode trazer diversos ganhos para o RH da empresa. Podemos citar:

Otimização dos processos

Um banco de talentos bem estruturado faz com que o processo seletivo ocorra muito mais rapidamente, afinal a primeira etapa que consiste em anunciar a vaga, ler e fazer a triagem dos perfis é uma das mais demoradas e trabalhosas.

Diminuição de custos

Como consequência da otimização da seleção de talentos, os custos para a organização diminuem, não só em relação às triagens e entrevistas, mas também aos prejuízos que uma vaga em aberto provoca.

Facilidade de segmentação

Outra vantagem expressiva que o banco de talentos oferece é a facilidade em encontrar uma competência específica necessária para exercer determinada função. Para isso, é interessante que a empresa conte com um software especializado capaz de realizar uma filtragem avançada.

Dispensa de treinamentos

O banco de talentos também armazena os dados dos profissionais que trabalham atualmente para a corporação. Ao precisar de um funcionário com uma habilidade específica, essas informações podem ser consultadas e algumas pessoas podem ser realocadas para atender à demanda, dispensando a necessidade de treinamentos.

Como montar um banco de talentos eficiente?

Destacamos os principais cuidados que você deve ter para estruturar um banco de talentos eficaz para a sua empresa, capaz de oferecer todos os benefícios que citamos acima. As etapas são:

Armazene as informações virtualmente

Mesmo que a empresa receba os currículos em papel ou os imprima para facilitar a visualização, o banco de talentos deve ser virtual. Isso vai preservar a integridade dos documentos, otimizar o espaço físico e permitir que as pesquisas sejam feitas de maneira mais rápida e precisa.

Guarde os melhores currículos de seleções anteriores

Como citamos, uma das grandes vantagens que o banco de talentos oferece é a oportunidade de aproveitar contatos que participaram de processos seletivos anteriores, demonstraram as aptidões necessárias, mas que por algum motivo menor não foram contratados.

Você pode aproveitar essas informações para um projeto de expansão da empresa ou para uma reestruturação interna.

Mantenha seu banco de currículos atualizado

A melhor maneira de organizar essas informações é armazená-las em ordem cronológica, destacando os currículos mais antigos. Há uma grande chance de que eles estejam desatualizados, o que não é interessante para a empresa.

Procure também fazer varreduras periódicas para destacar currículos enviados em duplicidade, ou perfis que foram descartados por não se encaixarem no fit cultural da empresa.

Conte com a ajuda de softwares online

Ferramentas online conseguem armazenar os currículos de maneira mais eficiente e rápida, organizar essas informações em categorias para facilitar a busca, fornecer relatórios e dashboards com uma visão geral do conteúdo, entre outras facilidades.

O uso de um banco de talentos associado a um software inteligente e funcional vai otimizar potencialmente os processos seletivos, centralizando esse trabalho e tornando-o mais prático e assertivo.

Os softwares também obrigam o candidato a preencher todos os campos que são importantes para a empresa, evitando o recebimento e armazenamento de currículos incompletos ou que não contribuam com um banco de talentos eficaz.

Faça backups do seu banco de talentos

Apesar de toda a facilidade e acessibilidade que a informatização oferece, alguns erros de sistema podem desperdiçar todo o seu trabalho.

Por isso, faça backups periódicos do banco de talentos. Assim, você cuida da segurança das informações, evita que dados importantes se percam e garante que os contatos daquele profissional excelente que não pôde ser aproveitado no semestre anterior ainda estejam armazenados.

Aproveite as redes sociais

Algumas redes sociais são excelentes para a captação de novos talentos para a sua empresa. Inclua algumas buscas por esse canal e armazene os perfis mais interessantes no seu banco de dados.

Vale lembrar que as redes sociais não substituem os recrutamentos tradicionais e nem conseguem oferecer a mesma qualidade de triagem que os softwares especializados, mas podem representar mais uma fonte de informações útil para o RH.

A construção de um banco de talentos rico e bem organizado pode ajudar muito a sua empresa na hora de contratar um profissional com urgência, permitindo que os processos seletivos contem com pessoas mais capacitadas e que se ponham a favor da imagem corporativa, afinal, é interessante para os candidatos serem lembrados posteriormente.

Se você precisa de ajuda não só para organizar essas informações, mas para melhorar os processos seletivos da sua organização, entre em contato conosco e conheça as nossas soluções!

Rating: 5.0/5. From 2 votes.
Please wait...

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Continue lendo:

Como a avaliação por competências pode auxiliar no processo de R&S?

A avaliação por competências se tornou mais uma ferramenta estratégica do RH. Isso porque as lideranças das empresas já perceberam que, para conquistar resultados diferenciados, precisam estar atentas às pessoas.  continue lendo »

Recrutamento e Seleção: saiba o que é, o conceito e as técnicas

Neste artigo sobre Recrutamento e Seleção, traremos tudo o que você precisa saber para implementar um processo de R&S de Resultado na sua empresa. Na primeira parte, você irá aprender os  continue lendo »

Recrutamento preditivo: como ele pode fazer a diferença?

Na corrida pela contratação dos melhores talentos disponíveis no mercado de trabalho, as empresas investem cada vez mais em novas estratégias capazes de identificar e atrair os candidatos adequados. Uma  continue lendo »

Headhunter: saiba o momento certo de contratar esse profissional

O headhunter é um caçador de talentos, que tem todo o know-how necessário para localizar o profissional ideal que ocupará uma vaga específica na empresa. Geralmente, ele é requisitado para  continue lendo »

Inteligência Artificial no recrutamento e seleção: Como aplicar?

As condições sociais, culturais, econômicas e organizacionais são aspectos fundamentais na prática de recursos humanos. Com a globalização e o aumento do acesso à internet, surgiram práticas de gestão que  continue lendo »

Machine learning no recrutamento e seleção: Como funciona?

O grupo de pesquisa TI global IDC prevê que, até 2020, aproximadamente US$ 47 bilhões da receita mundial do mercado de soluções cognitivas serão empregados com machine learning (aprendizado de máquina) e inteligência  continue lendo »