Descubra como evitar o absenteísmo na sua empresa

8 de agosto de 2019
Kenoby

Há uma série de fatores que podem levar o colaborador a faltar no trabalho — e, de vez em quando, essas coisas acontecem. O problema é quando as ausências se tornam recorrentes, pois pode indicar problemas na empresa e gerar custos elevados a curto e longo prazo. Assim, saber como evitar o absenteísmo na corporação é essencial para conquistar melhores resultados no empreendimento.

Neste post, vamos explicar com detalhes o que é o absenteísmo e como este indicador pode ser trabalhado pelo RH. Para entender mais sobre o assunto, baixe a nossa apresentação mensal de indicadores de RH!

O que é o absenteísmo?

O absenteísmo (ou ausentismo), que é diferente do turnover, é o termo utilizado para abordar as ausências recorrentes do colaborador na empresa, seja por falta ou atraso. Como dissemos, é natural que haja uma falta esporádica dos profissionais, mas quando isso se torna algo frequente, é necessário tomar atitudes.

As consequências do absenteísmo para a corporação são a redução da produtividade, sobrecarga dos demais funcionários — pois precisam fazer as tarefas de quem faltou — e perturbação do fluxo de trabalho.

Além disso, o absenteísmo gera dificuldades de integração da equipe, custos indiretos e diretos com as faltas (como a necessidade de horas extras), aumento da rotatividade na corporação e redução nos rendimentos monetários, pois será produzido menos.

Quais são os principais tipos de absenteísmo?

A classificação do absenteísmo é feita de acordo com o motivo das ausências recorrentes. Veja mais, a seguir!

Absenteísmo por problemas de saúde

Problemas como depressão, estresse, síndrome de burnout, lesões e acidentes de trabalho podem gerar faltas recorrentes dos funcionários. O acometimento de saúde, em geral, exige repouso para a recuperação, além de uma série de cuidados para o tratamento.

Absenteísmo por problemas pessoais e imprevistos

Imprevistos acontecem e, muitas vezes, é necessário resolvê-los com urgência — e os colaboradores precisam de tempo para solucionar essas questões. Pode ser um parente doente, um filho que se machuca, um roubo ou uma série de outros problemas.

Absenteísmo por falta de motivação e engajamento

Muitas vezes, a empresa não tem um clima estimulante e nem práticas para a geração de motivação. Ela pode ser permeada por conflitos internos, dificuldades de comunicação, lideranças opressoras e uma série de outras questões.

Isso gera problemas para a motivação do colaborador, o que pode ser um fator que contribui para ausências no trabalho.

Absenteísmo por estrutura deficiente ou inadequada

Esse tipo de absenteísmo acontece quando a estrutura de trabalho não atende às necessidades dos colaboradores. Pode ser que o ambiente não esteja adaptado, o que gera muitas dificuldades para o dia a dia.

Um exemplo é quando um profissional cadeirante é contratado, mas não são fornecidas condições para ele se deslocar com autonomia e liberdade na organização

Absenteísmo por baixa perspectiva de desenvolvimento profissional

Muitas empresas não oferecem perspectivas de crescimento dentro da organização, como o treinamento e o desenvolvimento, o que pode ser muito desestimulante para o profissional.

Dessa forma, ele passa a encarar o trabalho com um compromisso menor, pois a corporação não aposta em seu potencial.

Absenteísmo por bullying

Bullying no empreendimento é uma questão muito séria, que pode gerar problemas de autoestima, falta de confiança, vergonha e inibição do colaborador.

Políticas de erradicação da prática e conscientização da equipe são fundamentais para acabar com esse comportamento.

Como evitar o absenteísmo na sua empresa?

É possível adotar uma série de estratégias para evitar o absenteísmo na organização. Veja mais, a seguir!

Faça um diagnóstico do problema

Antes de realizar qualquer intervenção para minimizar o absenteísmo, é importante fazer um diagnóstico. Entreviste os colaboradores que estão faltando para saber os motivos dessas ausências, analise as informações e busque identificar padrões de causa das faltas.

Pergunte-se de que forma é possível ajudar o colaborador a resolver o problema, para que ele possa voltar a ter uma boa frequência em serviço.

Observe, também, se as motivações do ausentismo não estão relacionadas a algum contexto organizacional, como uma liderança opressora ou um jogo de exclusão entre os colegas de trabalho.

Promova diálogo na empresa

Uma empresa que promove o diálogo permite criar um clima positivo e favorável para o crescimento. Afinal, os colaboradores se sentem bem quando podem ser escutados. Além disso, a troca de ideias enriquece as experiências e possibilita mais aprendizado.

No diálogo, é possível conhecer a perspectiva do outro e compreender melhor as posturas de cada um. O resultado é um time mais motivado e aberto a construir soluções em conjunto.

Ofereça boas condições de trabalho

Boas condições de trabalho são essenciais para a motivação dos colaboradores. Elas contribuem para que o fluxo de trabalho se desenvolva em harmonia e para que os processos sejam executados com eficiência.

Condições problemáticas no emprego geram estresse, ansiedade e desgaste. O colaborador fica exausto com os esforços para lidar com as dificuldades e não sobra energia suficiente para ele se dedicar ao que é mais importante.

Nesse contexto, um meio de trabalho favorável (o que inclui bons instrumentos, computadores adequados, ambiente confortável, bom clima organizacional e respeito aos horários de pausa) pode incentivar a produtividade e contribuir para a satisfação do colaborador — diminuindo, também, o absenteísmo.

Aposte nos profissionais e ofereça condições para eles crescerem

Ao apostar no potencial dos profissionais, você pode ter um retorno positivo. Afinal, os colaboradores têm habilidades que desenvolveram ao longo da vida e em experiências de formação. Por isso, invista nesses talentos, ofereça capacitações para aprimoramento contínuo e dê oportunidades.

Tenha em mente que a confiança pode ser um ingrediente importante para a geração de motivação e comprometimento com o trabalho.

Invista em um processo seletivo de qualidade

Muitas vezes, o absenteísmo pode acontecer por falta de adequação do trabalhador à vaga. Isso é fruto de falhas dos gestores de RH no processo seletivo, gerando grandes danos para a pessoa contratada (como adoecimento psíquico e insatisfação com a carreira) e para a corporação.

Assim, aprimorar as seleções na empresa é fundamental para melhorar os resultados no empreendimento. No mercado, há tecnologias que podem facilitar esse processo, como os softwares inteligentes para recrutamento e seleção, que permitem realizar seleções ágeis, precisas e assertivas.

O absenteísmo é uma variável temida pelos gestores, pois provoca custos adicionais e prejuízos no fluxo de trabalho. Mas, com as estratégias adequadas, é possível contornar o problema e criar condições mais favoráveis para os negócios. Com as estratégias sugeridas neste post, você certamente vai ter bons resultados.

Gostou de saber como evitar o absenteísmo na sua organização? Então, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais!

No votes yet.
Please wait...
Aumente a assertividade no seu R&S!

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Kit - Entrevista de Candidatos

MATERIAIS GRATUITOS:

Certificação em Recrutamento e Seleção

Apresentação Mensal com Indicadores de RH

CONFIRA + MATERIAIS GRATUITOS

Continue lendo:

Entenda qual a importância e como implementar o onboarding na empresa
Entenda qual a importância e como implementar o onboarding na empresa

Quando um profissional ingressa na empresa, tudo é novo para ele: procedimentos básicos, colegas, liderança, mesa de trabalho… tudo muda de uma hora para outra e, quanto mais rápido ele  continue lendo »

Teste DISC: confira 7 dúvidas e descubra a sua importância para o RH
Teste DISC: confira 7 dúvidas e descubra a sua importância para o RH

Embora sejam fundamentais, as competências técnicas não garantem o sucesso em uma função quando estão isoladas. Por este motivo, testes comportamentais, como o teste DISC, ganham cada vez mais importância nas  continue lendo »

Entenda o que é o headhunter e qual o seu papel
Entenda o que é o headhunter e qual o seu papel

Você já se perguntou o que é headhunter? O termo é bem conhecido dentro do ambiente corporativo, mas nem sempre as pessoas têm total clareza do que ele significa e de  continue lendo »

Os 7 principais tipos de remuneração e como utilizá-los
Os 7 principais tipos de remuneração e como utilizá-los

Alguns dos principais tipos de remuneração, que nós abordamos ao longo do texto, são: Gratificação funcional; Participação acionária; Remuneração variável; Gratificação por habilidades; Premiações e comissões; Salário indireto e Participação  continue lendo »

Recursos Humanos: TUDO o que você precisa saber sobre o RH
Recursos Humanos: TUDO o que você precisa saber sobre o RH

A área de Recursos Humanos, ou RH, como é conhecido o setor responsável pela gestão de pessoas, é um conjunto de técnicas e práticas realizadas pelos profissionais que atuam com  continue lendo »

Diversidade nas organizações: como  promover e qual a sua importância
Diversidade nas organizações: como promover e qual a sua importância

A diversidade nas organizações tem sido uma preocupação constante da gestão das empresas comprometidas com o desenvolvimento de seus talentos e mercados. Isso porque uma equipe com características distintas é  continue lendo »