Conheça a Importância do RH em cada segmento de mercado

3 de Maio de 2017
Kenoby

A importância do RH vai além dos processos tradicionais da área, como os de recrutamento e seleção, pois de suas atividades depende a performance de todos os demais departamentos. Isso significa que sua atuação não é apenas operacional, tendo na verdade uma abrangência estratégica essencial para o êxito de um empreendimento.

Para se ter uma ideia, um RH bem estruturado eleva as chances dos negócios se tornarem bem-sucedidos. Isso é o que aponta o relatório Creating People Advantage 2014/2015: How to Set Up Great HR Functions, feito pelo The Boston Consulting Group (BCG) e pela Federação Mundial de Associações de Gestão de Pessoas (WFPMA).

Nele, foram avaliados 3.500 profissionais de Recursos Humanos, e de outros setores, de distintas indústrias em 101 países, bem como 64 entrevistas com gestores de RH e de negócios. Com os dados obtidos, descobriu-se que empresas que possuem RH efetivos possuem desempenho financeiro quase duas vezes maior do que empresas que não tem.

A importância do RH por segmento de empresa

Além da importância do RH para as finanças organizacionais, suas atividades são essenciais para o estabelecimento de uma cultura forte e dinâmica. Também são fundamentais para a contratação de profissionais que não só exerçam suas atividades operacionais, mas que agreguem valor às equipes. Isso é vital em um mercado cada vez mais concorrido e amplo.

Nesse ponto, vale ressaltar que, conforme o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), há cerca de 6,4 milhões de empreendimentos no Brasil atualmente.

Todos esses empreendimentos necessitam de funcionários capacitados e gestores competentes para trabalharem em seus negócios, tornando vital o papel do RH como intermediário entre empregadores e empregados. Inclusive, vale reforçar que tal necessidade não é exclusiva de um ou outro segmento, pois praticamente todos os setores precisam de um RH firme e atuante que dê conta das demandas de seus setores, como os listados abaixo:

Serviços Financeiros

Quem trabalha na área financeira sabe que essa é uma das mais estressantes e técnicas que existem, o que demanda do RH o planejamento de atividades voltadas à qualidade de vida e à retenção de profissionais.

Desse modo, as rotinas do departamento são vitais para a manutenção do bem-estar dos colaboradores, sob risco de aumentarem os erros humanos, os níveis de estresse e a taxa de turnover.

Tecnologia

Nos últimos anos, o papel do RH na área de tecnologia não só cresceu, como foi vital para moldar a forma de se trabalhar em muitas empresas do ramo.

Grande parte dos avanços e das estratégias para gestão do talento, envolvendo retenção e valorização profissional, bem como aumento da atratividade da empresa perante os profissionais, teve destaque nesse segmento. Dentre os principais, temos horários flexíveis, locais de trabalho mais agradáveis e códigos de vestimentas também flexíveis.

Nesse sentido, algumas companhias se destacaram, como a Google. Segundo uma pesquisa do LinkedIn, em 2015 ela foi eleita a 2° organização preferida dos brasileiros para se trabalhar. E nesse mesmo relatório apareceram ainda o Facebook (20°), que também possui projetos de RH direcionados à satisfação dos funcionários.

O estabelecimento de práticas modernas e criativas amparadas no RH de ambas organizações contribuiu para esses resultados.

Elas demonstram a necessidade de não só se ter um setor de recursos humanos que faça atividades rotineiras, mas que busque aliar inovação, tendências comportamentais e qualidade de vida de seus colaboradores. E isso pode ser trazido para empresas de diferentes segmentos, as quais também possuem áreas tecnológicas atuantes e que podem inclusive suportar as estratégias de RH.

Publicidade

A área de publicidade e marketing é conhecida por ter ambientes de trabalho mais descontraídos, criativos e com grande ênfase no bem-estar dos colaboradores.

Desse modo, o RH pode ter um olhar mais inovador, com vistas a atrair talentos do campo que são notadamente mais avessos a condições formais, além de serem altamente cobiçados por conta de seus talentos criativos. Sendo assim, o RH poderá gerir um meio-termo entre os padrões mais formais da empresa e os mais flexíveis do setor.

Advocacia

A área jurídica necessita de um RH mais estratégico e altamente capacitado para lidar com colaboradores que possuem profundo conhecimento das normas trabalhistas. Isso significa que o setor jurídico é um dos em que o RH atua de forma mais planejada e organizada, evitando problemas judiciais aos empresários e atraindo talentos exigentes.

A importância do RH no contexto das organizações está ligada diretamente ao êxito que elas possuem e ao alcance de metas corporativas. Quanto maior destaque o setor tem, inclusive com liberdade para implantar e otimizar processos e atuar de forma estratégica com os demais gestores, maiores as chances de sucesso empresarial.

Quer receber mais conteúdos como este? Siga a gente nas redes sociais— Facebook e LinkedIn — e fique por dentro de nossos posts!

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Continue lendo:

DISC: entenda o teste de perfil comportamental

Antever qual será o comportamento de um profissional quando ele for submetido a situações específicas é um importante subsídio nos processos de seleção, recrutamento e desenvolvimento de pessoas. E esse  continue lendo »

Pedido de demissão: entenda como funciona o processo

Pedido de demissão é um tema que gera muita confusão, tanto para empregadores quanto para funcionários. Profissionais do RH devem estar atentos a todas as etapas do processo, desde a  continue lendo »

Os melhores indicadores de RH para o seu negócio

Trabalhar com indicadores de RH tornou-se algo indispensável para qualquer tipo de negócio. O motivo é bem simples e claro: As empresas e organizações dependem das pessoas para que a  continue lendo »

Aviso prévio: o que você precisa saber sobre o assunto?

As regras de aviso prévio são frequentemente aplicadas no cotidiano do setor de Recursos Humanos. Isso porque, querendo ou não, a demissão de funcionários faz parte da rotina do departamento.  continue lendo »

Artigo 473 da CLT: o que você precisa saber sobre as faltas justificadas

No contexto trabalhista, um dos assuntos que gera muita dúvida é o caso das faltas justificadas — regulamentadas pelo Artigo 473 da CLT. Isso acontece porque nem sempre os gestores  continue lendo »

Licença maternidade: tire todas as suas dúvidas aqui!

A licença maternidade é um direito legal que toda mulher possui, correspondente a um período de 120 a 180 dias remunerados. A licença garante a suspensão de seu contrato de  continue lendo »