Digitalização do RH: entenda o que é e qual a importância

22 de junho de 2018
Kenoby

Visando conquistar resultados cada vez melhores com cada vez menos processos, a evolução tecnológica atinge todos os setores das empresas. Com a área de recursos humanos não é diferente. A digitalização do RH é um dos exemplos, já que, com ela, a área consegue modernizar suas operações e se tornar cada vez mais eficaz.

O setor de Recursos Humanos vem passando por profundas transformações digitais nos últimos anos, com o objetivo de se tornar mais estratégico dentro das empresas. Contribui para esse avanço a digitalização do RH, que possibilita ao departamento atuar ativamente nas decisões do negócio.

Nesse cenário, a transformação digital favorece a inovação tecnológica da área. Ela aumenta os níveis de estratégias e os conhecimentos que promovem a satisfação dos colaboradores, a qualidade de vida no trabalho e, consequentemente, a produtividade.

Essa relação faz com que as organizações sejam mais maduras e transparentes com seus colaboradores, fator essencial para que o foco permaneça em seus objetivos. Além da digitalização, outros avanços tecnológicos podem ser notados no setor, como o uso da Inteligência Artificial.

Para saber mais sobre esse assunto, confira no nosso Mini Curso gratuito de Inteligência Artificial no RH.

Mini Curso por e-mail de Inteligência Artificial no R&S


 

Quer saber mais sobre a digitalização do RH? Então, continue a leitura!

Como a digitalização do RH tem mudado a rotina do setor?

Os avanços tecnológicos têm contribuído para que a maioria dos profissionais de RH otimize suas funções. Culturalmente, no entanto, o setor caminha a passos lentos na adaptação às novas tecnologias (se comparado com outros departamentos).

Contudo, podemos observar um movimento forte nesse sentido, eliminando do setor de RH tarefas extremamente operacionais e de cunho administrativo. Esse esforço faz com que o potencial da área de Recursos Humanos seja otimizado.

Além disso, a energia e o tempo dos colaboradores podem ser canalizados para estruturar processos internos, gerando mais valor à organização. Para tanto, o RH está se especializando cada vez mais em pessoas, contando com a ajuda da tecnologia para tornar seus processos mais rápidos e eficientes.

É certo que as tarefas administrativas sempre vão existir. Atualmente, no entanto, elas podem ser realizadas por meio de ferramentas que tornem mais rápidos e confiáveis os processos, fazendo com que a equipe de RH esteja com a mente livre para se dedicar ao desenvolvimento de pessoas.

Quais são os benefícios de adotar a prática?

Recrutamento e seleção mais eficientes

A digitalização do RH eleva o setor a um nível de mais conhecimento no que diz respeito à própria empresa e a seus colaboradores. Isso torna mais ágeis os processos de recrutamento e seleção, pois os profissionais já estão alinhados e referenciados em um sistema.

O software de mapeamento de perfil comportamental, por exemplo, é um tipo de sistema que torna possível identificar, de forma completa, o comportamento dos profissionais. O programa ainda permite fazer o acompanhamento do desempenho desses funcionários.

Quando usado da forma correta, tal recurso ajuda a identificar quem são os candidatos mais adequados ao fit cultural da empresa. Com isso, é possível direcionar os profissionais para os cargos ideais a seus perfis de trabalho.

Entre os principais benefícios desse software, está a diminuição do custo dos processos seletivos e do esforço para efetivar uma contratação. Assim, a empresa ainda garante o aumento da produtividade, já que os perfis profissionais estarão mais alinhados à função. Consequentemente, a rotatividade de pessoal tende a diminuir.

Segurança dos dados e agilidade na troca de informações

O uso de softwares permite que os Data Centers das companhias passem por frequentes auditorias. Eles ganham, ainda, critérios rígidos de segurança para garantir a permanência e a integridade das informações.

Além disso, os colaboradores do setor de Recursos Humanos têm a necessidade de enviar, com frequência, informações e arquivos para outras pessoas da equipe, parceiros e fornecedores. E a digitalização dos dados permite que eles sejam monitorados, de forma a preservar a integridade e a segurança no ambiente online.

Armazenamento fácil

Com a implantação de ferramentas digitais no RH, os colaboradores que trabalham em atividades como folhas de pagamento, recrutamento e seleção, prontuários e outras funções administrativas conseguem executar suas atividades de forma prática e rápida.

A partir de processos inteligentes, tais funcionários gerenciam toda a rotina do setor. Além disso, por meio da digitalização, os documentos são enviados diretamente para o sistema.

Busca rápida

Nos setores de Recursos Humanos que já aderiram à digitalização, a busca por quaisquer documentos é realizada de forma mais ágil do que em rotinas de itens guardados em arquivos e pastas de um computador sem essa ferramenta.

As ferramentas digitais contêm uma barra de busca que torna possível a localização de um arquivo ao teclar qualquer palavra veiculada a seu conteúdo.

Redução da quantidade de papéis

Com a digitalização do RH, é possível gerenciar os processos sem a necessidade de impressão de páginas. Assim, o número de papéis usados pela equipe de Recursos Humanos é reduzido.

Ao aderir a uma prática sustentável, a organização contribui para a sociedade, diminuindo a impressão de documentos. Além disso, é possível reduzir a ocupação de espaços físicos e, ainda, cortar custos com armazenagem.

Diminuição dos extravios

A perda de documentos é uma das principais questões enfrentadas pelos departamentos de Recursos Humanos. Isso porque tal setor trabalha com um grande fluxo de processos.

A digitalização do RH evita a perda de arquivos e a manipulação das informações de forma indevida, pois torna possível o backup dos dados, além de fornecer um mesmo arquivo em uma linha cronológica do processo. Com isso, a gerência tem condições de manter o controle de qualquer modificação efetuada nos conteúdos.

Integração com outros sistemas e ferramentas

Existe a possibilidade de integrar os softwares com outros sistemas utilizados pela empresa. Dessa forma, a digitalização do RH coloca a organização em um ritmo de crescimento efetivo e de acordo com o planejado.

Para atingir tal objetivo, a empresa, necessariamente, precisará de uma gestão mais estratégica e inovadora. É fundamental que ela tenha a capacidade de implantar essa mudança e acompanhar as métricas, assegurando os resultados esperados.

Enfim, a digitalização do RH é um fator essencial para que essas vantagens possam ser usadas a favor da otimização dos processos de Recursos Humanos.

Mas é muito importante escolher fornecedores que sejam referência no mercado. Eles devem oferecer um bom suporte para auxiliá-lo em vários momentos, principalmente na transição dos processos analógicos para os digitais.

E então? O que você achou de saber mais sobre a digitalização do RH e sua importância? Entre em contato conosco e veja como podemos ajudar você!

No votes yet.
Please wait...

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Continue lendo:

Programa de estágio: passo a passo para estruturar um de sucesso

Para elaborar um bom programa de estágio, precisamos seguir alguns passos como a definição dos gestores do programa, o perfil do profissional desejado, a integração dos estagiários à empresa e  continue lendo »

DISC: entenda o teste de perfil comportamental

Antever qual será o comportamento de um profissional quando ele for submetido a situações específicas é um importante subsídio para os processos de recrutamento, seleção e desenvolvimento de pessoas. Esse é um  continue lendo »

Descrição de cargos: 10 boas práticas para utilizar na sua empresa

A descrição de cargos é o processo de detalhamento de cada posição dentro da companhia. Com ela, é possível verificar e formalizar as atividades e responsabilidades de todos os postos da  continue lendo »

7 perguntas e respostas sobre o clima organizacional

Hoje, a definição mais aceita de clima organizacional é a de um conjunto de fatores que podem ser medidos, de maneira direta ou não, dentro do ambiente de trabalho. Nos  continue lendo »

Organograma matricial: entenda o que é e qual perfil de profissional se encaixa nele

O organograma matricial é um modelo de organograma que representa a estrutura das organizações que não apresentam uma definição clara de suas unidades funcionais. Esse modelo oferece grande flexibilidade estrutural.  continue lendo »

Tipos de organograma: entenda quais são e os diferentes perfis de cada uma

Existem diversos tipos de organograma, como o clássico, o horizontal e o vertical. Ele pode ser definido como uma representação visual da empresa, onde é possível visualizar e definir a  continue lendo »