Métodos de seleção de colaboradores: como escolher o melhor?

24 de abril de 2018
Kenoby

Desenvolver um recrutamento e seleção de qualidade é fundamental para a corporação manter um bom desempenho no mercado. A escolha dos trabalhadores adequados permite ter mais produtividade e qualidade no cumprimento das tarefas.

Ao longo dos anos, foram desenvolvidos diversos métodos de seleção de colaboradores. Mike Smith, professor PhD da universidade de Manchester, no Reino Unido, elaborou um metaestudo sobre os diversos métodos existentes e o potencial de exatidão de cada um deles.

Ele reuniu investigações de diversos estudiosos e organizou os resultados em uma régua de equivalência que indica o percentual de acerto de cada recurso utilizado nos processos seletivos. Quer conhecer mais sobre as metodologias de seleção de profissionais e saber como escolher a melhor com a régua de equivalência? Confira o nosso post e entenda mais sobre o tema!

Por que é importante escolher os melhores métodos de seleção de colaboradores?

O Recursos Humanos (RH) tem um papel estratégico para a empresa. As ações tomadas pelo setor podem potencializar os procedimentos do negócio e levar o empreendimento a muitos resultados positivos. Com o recrutamento e seleção (R&S), não é diferente. Esse processo é decisivo, pois é nele que se faz a escolha de quem serão os profissionais responsáveis pela realização do trabalho.

Boas escolhas do setor de RH para contratação podem beneficiar o clima organizacional, a produtividade, o engajamento e fortalecer um padrão de aprimoramento contínuo no negócio. É no R&S que se avalia a alinhamento cultural entre o candidato e a companhia, assim como a adequação da pessoa ao perfil da vaga.

Com os melhores métodos de seleção, o setor de Recursos Humanos realiza análises precisas e eficientes. Assim, é possível somar para o time aqueles colaboradores que vão realmente contribuir para o cumprimento das demandas com alta qualidade e que vão se adequar aos padrões da corporação.

Quais são os métodos de seleção de colaboradores e quais os percentuais de certeza?

Apresentaremos agora os principais métodos de seleção e o percentual de acerto de cada um deles, de acordo com a pesquisa de Smith. Acompanhe!

Qualificações educacionais

A avaliação de qualificações educacionais possui 10% de precisão no processo seletivo, de acordo com a régua de Smith. Ela pode ser realizada por meio de provas objetivas que contemplam os conhecimentos necessários para a ocupação da vaga.

Entrevista

As entrevistas são uma fase importante do processo seletivo, mas é necessário destacar alguns pontos. A entrevista simples possui um percentual de acerto de 15%. Já o modelo estruturado registra 35%.

Uma entrevista simples é realizada sem a montagem prévia de um roteiro. Há apenas alguns tópicos que o gestor de RH seleciona para abordar. Isso favorece a ocorrência de dispersões e aumenta o risco de que alguns itens importantes deixem de ser contemplados. Já a entrevista estruturada exige a construção de um roteiro, o que minimiza a chance de falhas. Por isso a diferença tão pronunciada de percentual entre os modelos.

Inclusive, se você quiser melhorar ainda mais as suas entrevistas, faça o download gratuito do nosso Kit de Entrevistas de Candidatos.

 

Exercícios práticos

Os exercícios práticos apresentam uma chance de sucesso de 35%. A corporação pode propor aos candidatos algumas atividades similares às que seriam executadas no cargo almejado e observam como o profissional desempenha a tarefa e os resultados alcançados. Essa proposta é bastante positiva e permite ver a forma com que o sujeito se organiza e a compatibilidade do trabalho dele com o que a empresa deseja.

Dinâmicas

As dinâmicas possuem um índice de 40% de acerto, o que mostra que elas são uma ótima alternativa para o R&S. Isso porque o nível máximo alcançado pelos métodos de seleção de colaboradores é de 65%.

As dinâmicas permitem que os gestores de RH percebam como cada candidato se articula com o coletivo, como cada um constrói laços e como eles interagem entre si. Assim, é possível avaliar a capacidade de cooperar, de trabalhar em equipe, de lidar com a competitividade e de enfrentar desafios em conjunto.

Testes de habilidade

Muitas profissões demandam a presença de habilidades muito específicas e, por isso, é importante aplicar testes para avaliar essas competências. A porcentagem de precisão dos testes de habilidade é de 45%, demonstrando que essa é uma ótima alternativa para fazer o R&S.

Alguns traços importantes, como atenção, inteligência, personalidade e nível de adaptação social podem ser avaliados pelos testes psicométricos. Essas avaliações são ótimos recursos e devem ser aplicadas exclusivamente por psicólogos.

Astrologia/grafologia

A astrologia e a grafologia são utilizadas em algumas empresas para a seleção de candidatos. A astrologia associa a personalidade às posições dos astros e a grafologia é o estudo da morfologia da escrita. Porém, o percentual delas na régua de equivalência é de 0%. Elas não são métodos comprovados cientificamente para o R&S.

Assessment centres

Assessment centres é a combinação de vários métodos em uma única seleção e é a metodologia que alcança a precisão máxima de 65%. Essa proposta oferece para a corporação a possibilidade de obter várias informações sobre os candidatos.

Alguns dados se repetem, o que contribui para a confirmação de suposições. Além disso, é possível realizar uma observação mais profunda dos profissionais, de forma a identificar suas potencialidades e fraquezas.

Fazer um bom R&S na organização é fundamental para manter os processos funcionando bem no negócio. Cada profissional somado ao time é um elemento importante no desempenho de uma parte do trabalho. Assim, escolher os candidatos que estão mais alinhados à cultura da empresa e que apresentam as competências necessárias para o desempenho da função é muito importante.

Há diversos métodos de seleção de colaboradores disponíveis para as corporações utilizarem. Porém, para escolher as melhores alternativas, é importante contar com estudos científicos que comprovem a exatidão de cada metodologia.

A régua de equivalência de Smith tem essa função. Com ela, é possível perceber que o uso de várias técnicas eficientes em conjunto é a melhor proposta para realizar um recrutamento e seleção de qualidade. Dessa forma, o RH realiza processos de R&S mais efetivos e consegue formar times de alta performance no empreendimento.

E então? Gostou de saber como escolher o melhor método de seleção de colaboradores? Aproveite e curta a nossa página no Facebook!

 

Rating: 5.0/5. From 3 votes.
Please wait...

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Continue lendo:

Como avaliar um candidato em um processo seletivo

Quando pensamos em recrutamento e seleção, sempre valorizamos mais o primeiro conceito — publicar nos melhores sites de vagas, criar campanhas inovadoras — e pouco falamos sobre como avaliar um candidato. É  continue lendo »

3 exemplos de dinâmicas de grupo e seus benefícios na seleção!

Entrosamento, iniciativa e desafio são apenas alguns exemplos de dinâmicas de grupos. E os seus benefícios são diversos, podendo ser aplicados desde o momento do processo seletivo, até os períodos  continue lendo »

Descubra quando aplicar testes psicológicos em sua empresa

As empresas aderem cada vez mais a diferentes estratégias para acertar nas contratações, aumentando a probabilidade de escolher um candidato que tenha as competências técnicas e comportamentais necessárias para o  continue lendo »

Teste psicológico em recrutamento e seleção: conheça essa prática!

A aplicação do teste psicológico em recrutamento e seleção de pessoas é uma das ferramentas que o RH vem aplicando em um esforço para escolher o funcionário mais adequado para  continue lendo »

Conheça os 3 principais tipos de testes psicológicos realizados

Já faz algum tempo que as empresas concluíram que a avaliação de novos talentos não deve ser limitada à análise da qualificação e de experiências anteriores de um profissional. Por  continue lendo »

Entenda como fazer uma avaliação de desempenho na empresa

Existem diversos modelos de avaliação de desempenho, como a autoavaliação ou avaliação em 360 graus. Para ajudar você nessa tarefa, criamos este post que ensina como fazer uma avaliação de desempenho  continue lendo »