4 passos para mapear a cultura organizacional de uma empresa

20 de setembro de 2017
Kenoby

A cultura organizacional de uma empresa é um conjunto composto pela missão, visão e valores, bem como as normas e os comportamentos adotados por ela e que devem ser reproduzidos pelos seus funcionários. O objetivo é alinhar o desenvolvimento com aquilo que a organização acredita, direcionando o trabalho dos colaboradores e levando-os a se engajarem e se relacionarem mais com a companhia.

Por isso, é essencial o mapeamento dessa cultura, visando a sobrevivência e o fortalecimento da empresa no mercado. Pensando nisso, trouxemos um passo a passo que o ajudará nessa empreitada. Confira!

1. Defina a missão, a visão e os valores

Antes mesmo de uma empresa ser inaugurada, os idealizadores precisam definir qual é a missão, a visão e os valores nos quais ela será embasada. Afinal, são esses aspectos que ajudarão a organização a se posicionar estrategicamente no mercado.

As definições precisam ser repassadas tanto para os colaboradores quanto para os clientes. No caso dos funcionários, por exemplo, é preciso um alinhamento para que os comportamentos incompatíveis com os objetivos da empresa não perpetuem e passem uma imagem errada ao mercado.

2. Promova treinamentos

Uma das melhores maneiras de mapear a cultura organizacional é por meio dos treinamentos para funcionários. Isso porque esses momentos promovem uma integração entre os vários setores da companhia e mostram a aderência às propostas empresariais.

Se os treinamentos estiverem de acordo com os objetivos da empresa, eles serão capazes de criar maior engajamento e aderência, tendo um impacto positivo sobre o colaborador. Logo, se o contrário estiver acontecendo, é fato que a companhia precisa fazer um alinhamento estratégico e identificar os pontos em que se encontram as falhas.

3. Analise os objetivos de curto e longo prazo

Quais os objetivos da sua empresa em curto e longo prazo? Por meio de uma análise sobre esses aspectos é possível perceber vários pontos da cultura organizacional. Afinal, são as metas que mostram a aderência dos funcionários aos valores da companhia.

É importante saber como têm sido os processos internos, a maneira como os colaboradores estão reagindo às mudanças e o que eles têm feito para alcançar as metas preestabelecidas. Não se esqueça de analisar os próprios objetivos. Eles estão de acordo com o posicionamento da empresa? Observe a distância entre o que se tem atualmente e o ponto em que deseja chegar, procurando entender quais são os aspectos que precisam mudar para alcançar a realização.

4. Realize pesquisas internas

A pesquisa também deve fazer parte do mapeamento estratégico da cultura organizacional de uma empresa. Vale a pena apostar em avaliações de desempenho, isso ajudará a identificar o alinhamento entre os objetivos da companhia e as competências dos profissionais, bem como as lacunas existentes.

Isso permitirá avaliar se o ambiente é competitivo, o foco na realização das tarefas e o engajamento das equipes. Se o resultado for positivo, é sinal de que a cultura está com a aderência alta.

Fazer questionamentos aos funcionários sobre o que eles fazem e por qual motivo realizam determinada tarefa também ajudará no processo. Se o ambiente for cercado de incertezas e competitividade exacerbada entre as equipes, é hora de rever os conceitos da cultura organizacional, já que ela é mutável.

Como foi possível ver ao longo do artigo, a cultura organizacional de uma empresa interfere em vários aspectos. Por isso, é tão importante mapeá-la corretamente para poder suprir as necessidades da companhia e também para aumentar a sua longevidade no mercado.

E aí, o que achou das nossas dicas sobre cultura organizacional? Elas foram úteis para você? Então compartilhe este post nas suas redes sociais e ajude outras pessoas que ainda possam ter dúvidas sobre esse assunto!

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Continue lendo:

Recrutamento interno: conheça as principais vantagens

Quando surge uma vaga, muitas empresas olham para as opções do mercado antes mesmo de considerarem seus próprios colaboradores. O recrutamento interno é deixado em segundo plano, como uma solução  continue lendo »

Demissão por justa causa: conheça os motivos mais comuns

Uma das principais tarefas do RH é buscar executar contratações cada vez mais eficientes. Entretanto, é inevitável que, eventualmente, seja necessário o desligamento de colaboradores que não estão conseguindo realizar  continue lendo »

Reforma Trabalhista: compreendendo o seu impacto no RH das empresas

Por que a reforma trabalhista é necessária? Flexibilizar! Esta é a palavra mais adequada para compreender a reforma trabalhista. A nossa legislação que regula a relação de trabalho entre empregador  continue lendo »

5 razões para anunciar vagas em um site de empregos de nicho

Procurar o candidato ideal para uma vaga na sua empresa já é uma tarefa suficientemente complexa. Ela exige tanto o investimento do seu tempo e de seus funcionários, como de  continue lendo »

Crescimento empresarial: veja se a sua empresa está pronta para crescer

Administrar uma empresa é um desafio constante e, mesmo nos momentos iniciais, todo empreendedor sonha em ver o seu negócio decolando e se destacando no mercado. Mas, para isso, é  continue lendo »

Software de Recrutamento: o que o vendedor não te fala

Características essenciais de um Software de Recrutamento que ninguém anuncia Na hora de buscar uma solução tecnológica para sua área de Recrutamento e Seleção ou outra área de RH, muito se fala  continue lendo »