Plano de cargos e salários: saiba como implementar

7 de agosto de 2017
Kenoby

O plano de cargos e salários estrutura as atribuições, deveres, responsabilidades e remunerações de todas as funções que balizam o funcionamento de uma empresa.

Sua existência possibilita a construção de um plano de crescimento profissional e traz diversos benefícios tanto para a organização quanto para seus colaboradores.

O passo a passo ideal para a construção de um plano de cargos e salários

1. Descrição de cargos

O primeiro passo consiste no levantamento e análise de todos os cargos existentes na empresa.

Para isso, deve haver uma definição clara e objetiva das responsabilidades básicas atribuídas a cada função, bem como das especificações, competências e habilidades requeridas para o pleno desempenho das atividades.

Caso haja variações de um mesmo cargo, é necessário definir o que muda entre um e outro, ou seja, os critérios de diferenciação.

2. Construção de organograma

organograma é a definição da estrutura hierárquica da empresa. Sua construção deve ser feita a partir do grau de importância de cada cargo existente.

Feito isso, tem-se clareza de quais cargos são subordinados a quais e, mais importe do que isso, de quais são as possibilidades de crescimento profissional que a organização oferece.

3. Pesquisa de mercado

Nesse momento, é preciso fazer uma pesquisa salarial de mercado. Investiga-se quais são os salários e benefícios que outras empresas praticam para cargos iguais ou semelhantes aos da sua organização.

Isso possibilita elementos de comparação para que a empresa garanta equidade externa com outras da mesma região e ramo de atividade.

4. Pesquisa interna

O próximo passo é a realização de um diagnóstico preciso sobre a atual realidade organizacional, considerando seus aspectos econômicos.

É necessário saber quanto será possível investir em possíveis mudanças salariais sem prejudicar a sustentabilidade financeira.

5. Definição de salários

A partir das análises externas e internas e considerando o grau de complexidade de cada cargo, esse é o momento de definir as faixas salariais.

Essa definição é importante porque, além de motivar os funcionários, determina o grau de agressividade da empresa.

Ao finalizar o plano de cargos e salários é importante que todas as normas sejam comunicadas aos profissionais, evitando qualquer mal-entendido. Além disso, deve haver uma constante avaliação de sua efetividade, para que esteja sempre atualizado.

Por que implementar um plano de cargos e salários?

Retenção de talentos

Quando bem elaborada, essa ferramenta contribui para a retenção de talentos, diminuindo os índices de turnover. Isso ocorre porque os profissionais se sentem valorizados e tendem a buscar por crescimento.

Atração de novos talentos

Impulsiona a atração de novos talentos, o que favorece o fortalecimento da marca empregadora da empresa. Quanto mais atrativo for o anúncio da sua vaga, mais alto será o número de candidaturas e qualidade dos profissionais inscritos.

Produtividade dos colaboradores

Há aumento na motivação e dedicação, pois os funcionários percebem com maior clareza o valor do seu trabalho e suas possibilidades de ascensão. Em consequência, o clima organizacional tende a melhorar e a produtividade aumenta.

Planejamento Financeiro

Em termos econômicos, ocorre uma contribuição significativa para o planejamento financeiro, pois torna-se possível a delimitação das despesas salariais de cada setor.

Contudo, para que todos esses benefícios sejam alcançados, é preciso haver um equilíbrio interno e externo na sua elaboração. Um plano de cargos e salários eficiente também se constitui como uma prática favorável de recrutamento e seleção. Para saber mais sobre isso, baixe nosso e-book!

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Continue lendo:

Inteligência Artificial no Recrutamento e Seleção: Como esse assunto será abordado no 2º Kenoby Talks?

Sempre muito presentes nas tramas de ficção científica, a Inteligência Artificial passa a garantir cada vez mais o seu espaço nas discussões e, até mesmo, na vivência de grande parte  continue lendo »

Avaliação 360: saiba como funciona e como aplicar

Avaliar o desempenho dos profissionais, seus pontos positivos e onde podem melhorar é uma necessidade de todas as empresas. Mas nem sempre esse processo é feito de maneira que possa  continue lendo »

Avaliação de desempenho: tudo o que você precisa saber!

Por melhor que seja uma equipe, entender como os colaboradores estão exercendo suas atividades é fundamental para fazer uma gestão de pessoas eficiente. A avaliação de desempenho é um dos  continue lendo »

Retenção de talentos: conheça a sua importância para a empresa

Implantar uma estratégia que favoreça a atração e a retenção de talentos não é uma tarefa fácil, já que as relações de emprego passaram por grandes mudanças nos últimos anos. As vagas  continue lendo »

7 Cuidados para potencializar a sua gestão de pessoas

A correta gestão de pessoas é uma atividade-chave para o crescimento de um negócio no mercado. Isso porque uma boa administração garante funcionários mais alinhados, produtivos e comprometidos com os resultados  continue lendo »

Teste palográfico: entenda o que é e por que utilizá-lo

Para uma boa contratação de funcionários, é importante avaliar não apenas as competências técnicas, mas também as características individuais e de personalidade para entender se o profissional é realmente o  continue lendo »