7 Cuidados para potencializar a sua gestão de pessoas

11 de julho de 2019
Kenoby

A correta gestão de pessoas é uma atividade-chave para o crescimento de um negócio no mercado. Isso porque uma boa administração garante funcionários mais alinhados, produtivos e comprometidos com os resultados desejados.

Entretanto, é preciso ter alguns cuidados em mente. Atitudes que, muitas vezes, são deixadas em segundo plano podem fazer toda a diferença para uma gestão bem-sucedida. É preciso saber como implementar boas tecnologias, monitorar os resultados obtidos e desenvolver continuamente novas competências na equipe.

Pensando em tudo isso, criamos um guia especialmente para você. Hoje, vamos mostrar 7 cuidados para potencializar a sua gestão de pessoas de forma clara e eficaz. Continue lendo e fique por dentro do assunto!

1. Busque contratar profissionais talentosos

Um colaborador talentoso é aquele acima da média, que entrega mais resultados do que outros que atuam na mesma função. É importante saber como atrair e adquirir candidatos desse nível, pois farão toda a diferença para o alcance das metas organizacionais.

Para tanto, é necessário estruturar um processo seletivo de qualidade. Nesse quesito, atualmente muitas companhias investem na construção de uma marca empregadora, uma espécie de aliança entre o RH e o setor de marketing. O objetivo dessa estratégia é muito simples: tornar todo o negócio um grande ímã de profissionais acima do padrão.

Para saber mais sobre esses temas, faça o download gratuito do guia completo para atração de talentos.

Além disso, é crucial se certificar de que o novo contratado vai ter aderência à empresa e equipe de trabalho. Caso contrário, só servirá para “engordar” o índice de turnover. Para tanto, uma ótima dica é avaliar se ele possui valores parecidos com os da organização.

2. Atue com base em indicadores-chave de desempenho

Toda empresa é um organismo burocrático, que possui uma visão sistêmica e age com base em informações reais, não apenas com o “coração”. No melhor dos sentidos, a gestão de pessoas também precisa ser assim, atuar de forma sistêmica, baseada em informações.

Para isso, é cada vez mais comum a utilização de indicadores-chave de desempenho (também conhecidos como KPIs). Grosso modo, esses indicadores são ferramentas de medição buscando avaliar o nível de resultados que determinada ação tem gerado à empresa. No ponto de vista geral em uma empresa o KPI costuma estar associado ao financeirovendas, ou até mesmo o estoque.

Já entre os principais indicadores para o RH, os que mais se destacam são aqueles ligados ao recrutamento e seleção, evasão de funcionários e absenteísmo. Com bons KPIs, é possível que o profissional de RH tome decisões mais sóbrias, ágeis e assertivas.

3. Recompense pelos resultados conquistados

É comum que uma empresa realize sua gestão por resultados definindo objetivos desafiadores e instigando seus funcionários a conquistá-los. Porém, também é necessário que se estabeleçam boas recompensas. Assim,dá para multiplicar a motivação (e a satisfação) da equipe com mais facilidade.

Outro grande benefício de gratificação é a construção de um senso de meritocracia, que pulsa dentro dos funcionários afirmando que eles serão premiados pelos seus resultados. No final, cada profissional desejará dar o seu melhor nas tarefas diárias.

Existem diversas recompensas que podem ser dadas, como viagens, comissões ou premiações em bens. Para acertar, é preciso defini-la com base na complexidade da tarefa, valor percebido pelos funcionários e orçamento disponível na empresa.

4. Otimize a comunicação dentro da empresa

Por muitos anos, a comunicação empresarial foi focada no público externo, os clientes finais da companhia. Atualmente, ela também visa aos colaboradores, objetivando mantê-los informados e mitigar o número de erros internos.

Peter Drucker, pai da Administração moderna, afirmou que mais de 60% dos problemas de uma empresa acontecem pela falta de comunicação. Por isso, invista no diálogo interno, garantindo que a equipe entenda o que deve ser feito, como e por quem.

Para que se tenha uma boa comunicação, além de muito planejamento e implementação de novos canais (murais de recado e intranet, por exemplo), é preciso que haja o comprometimento da liderança. Os líderes devem ouvir seus subordinados e dar feedbacks.

5. Desenvolva continuamente o time de trabalho

Para fazer com que o time evolua, é importante acreditar na gestão por competências, garantindo que cada profissional possua os conhecimentos, habilidades e atitudes necessárias para desempenhar suas tarefas com maestria. Com isso, diversos benefícios poderão ser vistos.

Um profissional competente atende melhor os clientes e garante a fidelização. Além disso, realiza os processos diários com mais rapidez, qualidade e segurança. É uma força para a empresa, otimizando sua competitividade.

O treinamento ideal deve iniciar com uma análise da equipe, buscando entender a necessidade que precisa ser suprida. Depois, é o momento de definir o modal de capacitação (treinamento presencial, a distância, colaborativo, gamificação).

6. Utilize a tecnologia a favor do RH

Existem muitas ferramentas que podem otimizar os resultados de um negócio, e muitas delas estão voltadas especificamente para a gestão de pessoas. Ao utilizar a tecnologia, é possível automatizar parte dos processos, economizar tempo e focar no que é realmente útil.

Dentre as principais ferramentas para o RH, destacam-se os softwares para controle do ponto e jornada de trabalho, sistema para recrutamento e seleção, aplicativos mobile para comunicação interna e outros capazes de desdobrar metas de trabalho.

A escolha da ferramenta ideal varia de acordo com cada empresa. Se a companhia já possui um sistema de gestão empresarial abrangente e quer otimizar especificamente a gestão de pessoas, inicie contratando um software de recrutamento e seleção.

7. Garanta a retenção dos colaboradores

A elevada evasão dos colaboradores afeta a companhia de diversas formas, gerando perdas financeiras e deterioração do clima de trabalho. Por isso, é importante implementar estratégias para a retenção de talentos, mantendo-os por muitas anos na empresa.

Diferentemente do que muitos acreditam, o salário não é o fator mais importante para “segurar” os profissionais no longo prazo. Ainda mais essencial é oferecer oportunidades de crescimento, qualidade de vida e um modelo de liderança inspiradora (lembre-se: as pessoas pedem demissão dos seus chefes, não da empresa em si).

Esses são os principais cuidados que você deve tomar. Ao se atentar às dicas e implementá-las na empresa, será possível alcançar resultados exponenciais. No final, além de profissionais mais felizes e motivados, terá um empreendimento mais próspero e sólido.

Gostou do nosso conteúdo? Está pronto para melhorar sua gestão de pessoas? Agora, aproveite para nos seguir no Facebook ou no LinkedIn e ficar sempre por dentro das novidades!

Rating: 5.0/5. From 1 vote.
Please wait...
Aumente a assertividade no seu R&S!

NOVIDADES DO BLOG

Receba semanalmente as novidades do blog e transforme o seu recrutamento!

Kit - Entrevista de Candidatos

MATERIAIS GRATUITOS:

Certificação em Recrutamento e Seleção

Apresentação Mensal com Indicadores de RH

CONFIRA + MATERIAIS GRATUITOS

Continue lendo:

Treinamento e desenvolvimento: Tire suas dúvidas sobre esse tema
Treinamento e desenvolvimento: Tire suas dúvidas sobre esse tema

O treinamento e desenvolvimento é uma das atividades mais importantes nos processos de recrutamento de profissionais nas empresas. Essa etapa é considerada fundamental para garantir o aprimoramento dos colaboradores, bem como a  continue lendo »

Absenteísmo: como solucionar este grande problema?
Absenteísmo: como solucionar este grande problema?

Absenteísmo é o nome dado à prática de se abster do trabalho, ou melhor, estar afastado das atividades diárias. As causas para isso são diversas, incluindo faltas por doenças ou  continue lendo »

Teste palográfico: entenda o que é e por que utilizá-lo
Teste palográfico: entenda o que é e por que utilizá-lo

Na hora de contratar um novo profissional, é importante ir além das competências técnicas. Isso significa que é essencial contar também com ferramentas validadas e eficientes para avaliar traços individuais  continue lendo »

Modelos de gestão por competências: conheça os 3 principais tipos
Modelos de gestão por competências: conheça os 3 principais tipos

Empresas bem-sucedidas entendem a relevância da gestão por competências para um melhor aproveitamento do capital humano e resultados mais satisfatórios. Entretanto, é importante ir além desse reconhecimento, compreendendo os modelos  continue lendo »

Afinal, como fazer gestão por competências na empresa?
Afinal, como fazer gestão por competências na empresa?

Há muitas maneiras de fazer gestão de pessoas. Você pode contratar alguém por afinidade ou indicação de um amigo, por exemplo, o que não é uma boa ideia. Outra possibilidade  continue lendo »

Gestão de pessoas: saiba como fazer e mensure os seus resultados
Gestão de pessoas: saiba como fazer e mensure os seus resultados

A gestão de pessoas é um conjunto de habilidades, técnicas e métodos que visam potencializar o capital humano, além de administrar e potencializar seus recursos dentro das empresas. Não é  continue lendo »